A obesidade não está associada somente com a parte estética; ela é uma doença que está relacionada com outras doenças crônicas como a hipertensão arterial, o AVC e o diabetes tipo II, além de outros problemas

(artrite, artrose, diminuição na qualidade do sono, problemas psicológicos e aumento da baixa-estima).A preocupação aumenta pelo fato da obesidade estar crescendo muito com o passar dos anos. Segundo o IBGE, no Brasil em 2003 o número de pessoas com excesso de peso era de 40,6%; em 2013 esse número subiu para 51%. Segundo o National Health and Nutrition Examination Survey (NHANES), em 2011, a prevalência de obesidade nos Estados Unidos chegou a quase 140 milhões de pessoas (66% da população). Esses aumentos têm ocorrido em âmbito mundial, fazendo com que a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarasse a existência de uma epidemia mundial de obesidade.

A obesidade está relacionada com um acúmulo excessivo de GORDURA CORPORAL, podendo ser localizado ou em todo o corpo. O fator mais significativo que causa a obesidade é o fato dela estar relacionada com um balanço energético positivo, onde o indivíduo ingere mais calorias do que gasta durante o dia. Isso durante um período crônico vai elevando o grau da obesidade.
Então a forma mais eficiente de tratamento da obesidade seria transformar esse balanço energético positivo em negativo, onde o indivíduo passaria a ingerir menos calorias do que gasta durante o dia. Para isso acontecer, duas coisas devem ser feitas: diminuir a ingestão de calorias diárias (dieta restritiva) e aumentar o gasto calórico diário (exercício físico). É necessário que essas duas variáveis aconteçam para um emagrecimento eficiente e saudável. Isso porque se a pessoa fizer apenas dieta restritiva, ela até conseguirá emagrecer, pois ela estará criando um balanço energético negativo; o problema é que assim, além da gordura corporal a pessoa também perderá massa magra. Entretanto, quando ocorre a combinação dieta + exercício físico, o emagrecimento se torna mais eficiente, pois a inclusão do exercício físico resultará no aumento do gasto calórico e evitará a perda da massa magra.
Adote um estilo de vida saudável e livre-se dessa doença...